Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Projeto de extensão promove recuperação de voçoroca e leva melhorias à região da Unidade Fazendinha

Projeto de extensão promove recuperação de voçoroca e leva melhorias à região da Unidade Fazendinha

por Raissa Melo Ferreira publicado 14/11/2017 16h05, última modificação 14/11/2017 18h11
Em ação desde 2015 na cidade de Sabará, iniciativa integra conteúdos teóricos e práticos de cursos envolvidos
Projeto de extensão promove recuperação de voçoroca e leva melhorias à região da Unidade Fazendinha

O nome voçoroca é dado aos grandes buracos de erosão causados por chuvas, ações do homem ou por variados fatores climáticos. Trata-se de um fenômeno geológico que geralmente ocorre em solos pobres, secos e pouco sedimentados, nos quais a vegetação é escassa e a estrutura terrestre desprotegida se torna suscetível ao carregamento por enxurradas.

Desde 2015, o Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix mantém um projeto de extensão voltado à sustentabilidade ambiental intitulado “Proposta da Recuperação de uma Voçoroca por Bioengenharia do solo em Sabará, Minas Gerais”. A iniciativa foi concebida em parceria com a renomada empresa Deflor Bioengenharia.

O projeto propõe a recuperação de uma voçoroca localizada na unidade Fazendinha, que integra a infraestrutura do Izabela Hendrix e Integra os conteúdos teóricos e práticos para os alunos dos cursos de Engenharia Ambiental e Sanitária e Engenharia de Produção. Além disso, a iniciativa mapeia as áreas de risco e promove a conscientização ambiental quanto ao uso e ocupação do entorno.

A técnica utilizada para a recuperação da voçoroca é Bioengenharia do Solo. “O projeto atua em área de risco geológico, localizada em solos propícios à movimentação de massa e as residências que margeiam a voçoroca estão sob risco de danos estruturais devido à falta de planejamento do uso do solo. Essas casas estão muito próximas da voçoroca, o que ocasiona riscos à sua estrutura física”, explica Elizabeth Rodrigues Brito Ibrahim, professora do Izabela Hendrix e uma das responsáveis pela iniciativa ao lado da docente Andressa Amaral de Azevedo.

Sobre os resultados positivos do projeto, Elizabeth Rodrigues Brito Ibrahim destaca que a restauração da voçoroca minimiza as áreas de risco da paisagem do entorno, promove interdisciplinaridade entre os professores e estudantes envolvidos e insere os discentes em atividades práticas. “Além disso, os alunos estão colocando em ação técnicas de última geração para recuperação dos solos, o que os deixa diferenciados no mercado de trabalho”, ressalta.

Projeto de Extensão Voçoroca