Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Projeto Educação em Saúde realiza ação para lembrar Outubro Rosa

Projeto Educação em Saúde realiza ação para lembrar Outubro Rosa

Estudantes de Biomedicina e Enfermagem distribuem 2 mil panfletos sobre prevenção do câncer de mama
Projeto Educação em Saúde realiza ação para lembrar Outubro Rosa

O movimento Outubro Rosa simboliza a luta mundial contra o câncer de mama. Em apoio à campanha, os cursos de Biomedicina e Enfermagem do Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix distribuíram folders sobre a prevenção da doença em ação realizada no último dia 1º de outubro, no Mercado Central.

Vinculado ao Izabela Hendrix, o projeto Educação em Saúde busca conscientizar a população sobre os fatores de risco da doença. “A ação nos permitiu alertar as pessoas sobre a importância da prevenção do câncer de mama e de colo de útero. Além disse, as atividades deram aos alunos a oportunidade de estar em contato com a comunidade e compartilhar um pouco do conhecimento aprendido em sala de aula”, explicou Adriana Rodrigues Tristão, professora do Núcleo de Biociências da instituição.


A campanha 

O movimento Outubro Rosa teve início na década de 1920 nos Estados Unidos, onde vários Estados promoviam ações referentes ao câncer de mama ou mamografia no mês de outubro.

O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação de células anormais da mama que formam um tumor. Segundo o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA), em 2016, para o Brasil, são esperados 57.960 casos novos da doença, que responde por cerca de 25% dos casos novos a cada ano. 

Os principais sinais e sintomas do câncer de mama são: 

  • Caroço (nódulo) fixo, endurecido e, geralmente, indolor;
  • Pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja;
  • Alterações no bico do peito (mamilo);
  • Pequenos nódulos na região embaixo dos braços (axilas) ou no pescoço;
  • Saída espontânea de líquido dos mamilos.


As mulheres devem procurar imediatamente um serviço para avaliação diagnóstica ao identificarem alterações persistentes nas mamas. Existe tratamento para câncer de mama, e o Ministério da Saúde oferece atendimento por meio do Sistema Único de Saúde, o SUS.

O Izabela Hendrix também abraça esta causa!