Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Docentes e alunos do Izabela marcam presença no DMais Design

Docentes e alunos do Izabela marcam presença no DMais Design

por Raissa Melo Ferreira publicado 07/07/2017 17h59, última modificação 10/07/2017 12h16
Jornal Estado de Minas deu destaque a professores e projeto de extensão
Docentes e alunos do Izabela marcam presença no DMais Design

Em junho foi realizada em Belo Horizonte a 4ª edição do DMais Design, circuito de arquitetura, decoração e design que reúne em sua programação dezenas de lançamentos de produtos, exposições, palestras, seminários, oficinas e intervenções. Professores e alunos de Arquitetura e Urbanismo e Design de Interiores do Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix participaram das atividades.

O jornal Estado de Minas publicou um caderno especial sobre o evento em que os docentes dão depoimentos a respeito do DMais e um projeto realizado no Izabela também ganhou destaque na publicação. Josana Matedi Prates Dias, coordenadora dos cursos de Arquitetura e Urbanismo e Design de Interiores do Izabela, conta que o evento é organizado por Renato Tomasi, com o objetivo de divulgar a produção da área e colocar em contato produtores, fornecedores e consumidores.

“A cada ano, convidamos o Renato para falar sobre o evento para os alunos dos cursos de Design de Interiores e de Arquitetura e Urbanismo. Além disso, participamos do DMAIS com nossa produção acadêmica. Neste semestre, participamos com o projeto de extensão MOBI, desenvolvido pelos professores Gabriela Mafra Barreto e Mozart Joaquim Magalhães Vidigal e alunos selecionados”, diz.

O projeto realizou a Regata de barcos de papelão e cola, desenvolvida por alunos do primeiro período dos cursos sob orientação dos professores Ezequiel Mendonça Rezende, Paulo Waisberg e Wesley Siqueira de Castro. “A atividade tem como objetivo o projeto e execução de barco de papelão e cola que flutue com dois alunos por mais de 20 minutos. Trata-se de um desafio que obriga os alunos a calcularem o tamanho, o peso, o empuxo e pensarem esteticamente o barco. Desta forma, a atividade pode ser entendida com um projeto de Design”, explica a docente.