Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Egressa do Izabela Hendrix participará de missão com refugiados em El Salvador

Egressa do Izabela Hendrix participará de missão com refugiados em El Salvador

Nayara Alves Gervásio é ex-aluna do curso de Administração e atuará no programa Generation Transformation
Egressa do Izabela Hendrix participará de missão com refugiados em El Salvador

Além da reconhecida qualidade de seus cursos, o Instituto Metodista Izabela Hendrix tem como marca o caráter confessional e comunitário do ensino que promove. Com base nesses princípios, a instituição proporciona uma série de ações que permitem ao seu corpo discente atuar em iniciativas que vão além das questões pedagógicas presentes na sala de aula e transformam alunos em cidadãos conscientes socialmente.

Nayara Alves Gervásio é fruto dessa tradição do Izabela Hendrix. A ex-aluna do curso de Administração foi aprovada no programa Generation Transformation, mantido pela Igreja Metodista Unida dos Estados Unidos, e irá atuar em missão internacional com refugiados em El Salvador.

No país localizado na América Central, a egressa irá trabalhar em pastoral ligada à Igreja Luterana que mantém ações em favor de refugiados, imigrantes e famílias vítimas de violência. O Generation Transformation atua sob três conceitos: engajamento, conexão e crescimento.

Por dois anos e mantida com ajuda de custo do programa, Nayara auxiliará os grupos citados em cuidados e acompanhamentos básicos em questões de saúde, emocionais e legais. “El Salvador recebe bastante pessoas oriundas da África, muitas delas com o objetivo de ir para a América do Norte, mas que acabam ficando por lá. O País também sofre com a violência de gangues, o programa também cuida dessas vítimas”, conta.

A ex-aluna tomou conhecimento do programa de missões em 2014. Porém, na ocasião não dominava a língua inglesa e estava empregada. Após deixar o trabalho, a ideia de participar do projeto tomou forma a partir de conversas com pessoas que atuavam em iniciativas do tipo e auxiliaram Nayara com as inscrições e aulas de idiomas. Após intenso período de preparação e submissão ao processo seletivo, a aprovação foi confirmada no dia 18 de abril.

Prestes a embarcar, a egressa espera adquirir experiência de vida e desenvolver suas habilidades como missionária. “Apesar de já ter convivido com estrangeiros, viver em outro lugar é completamente diferente. Ao se envolver com uma nova cultura, você pode encontrar desigualdade e problemas muito maiores. Isso nos mostra que existe um mundo que nem imaginávamos”, relata.

Izabela Hendrix: bagagem pedagógica e confessional

Nayara Alves Gervásio considera a formação proporcionada pelo Izabela Hendrix essencial para a sua mais recente conquista. Quando graduanda, a egressa cursou Administração como bolsista e adquiriu experiências e responsabilidades relevantes nas horas dedicadas ao trabalho voluntário. “Ganhar uma bolsa no Izabela foi muito bom porque me proporcionou o contato com haitianos do programa de intercâmbio da época”, destaca.

Sempre interessada em questões sociais e humanitárias, a ex-discente salienta o caráter confessional da instituição. “O Izabela Hendrix proporciona aos estudantes um engajamento em aspectos para além das questões estudantis. Como aluno, você pode fazer mais e participar”, afirma. “Um dos motivos para eu gostar tanto de minha formação foi ter aprendido conteúdos mais humanistas do que financeiros no decorrer do curso. O mundo é movido por dinheiro e é difícil encontrar instituições que abram as portas para a caridade”, completa.

Os ensinamentos obtidos durante o curso de Administração propiciaram à Nayara a bagagem técnica necessária para enfrentar os desafios em sua missão em El Salvador. A graduação abordou aspectos como comunicação, pessoas, marketing, finanças, entre outros. Em sua formação, a egressa também aprendeu a lidar com as questões ligadas ao terceiro setor. “Falta profissionalismo em algumas agências e programas. As pessoas querem salvar o mundo, mas não se profissionalizam para tal. Como havia disciplina sobre o assunto na grade curricular, pude conhecer bastante sobre o assunto”, finaliza.

Programa

O Generation Transformation é um programa mantido pela Igreja Metodista Unida dos Estados Unidos que envia jovens com idade entre 20 e 30 anos para serviços missionários ao redor do mundo por dois anos. Na iniciativa, os participantes se envolvem com comunidades locais caracterizadas pelas injustiças sociais, vivenciam experiências humanitárias e desenvolvem habilidades como o perfil de liderança.