Você está aqui: Página Inicial / Engenharia / Engenharia Ambiental e sanitaria / Notícias / Professora e egressa do Izabela são convidadas para participar de congresso no Rio de Janeiro

Professora e egressa do Izabela são convidadas para participar de congresso no Rio de Janeiro

Professora e egressa do Izabela são convidadas para participar de congresso no Rio de Janeiro

A professora dos cursos de Engenharia do Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix, Adilza Dode, e a egressa do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária, Naiara Ferreira, foram convidadas para fazer uma apresentação em um evento do Centro de Estudos Miguel Murat de Vasconcellos da ENSP CEENSP) da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Em 2015, Naiara publicou o seu Trabalho de Conclusão do Curso (TCC) na revista Petra (Publicação Científica do Núcleo de Arte e Tecnologia do Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix) e, agora em 2018, apresentará seu projeto no Rio de Janeiro. A professora Adilza também fará uma apresentação sobre sua tese de doutorado com o tema “O celular e seus riscos”. Na palestra ela falará sobre a mortalidade por neoplasias e a telefonia celular no município de Belo Horizonte, além de apresentar resultados das medições de radiação que a professora fez durante a pesquisa.

O trabalho de Naiara teve como tema “Diagnóstico ambiental dos campos eletromagnéticos em uma universidade de Belo Horizonte-MG” e, para realizar a pesquisa a engenheira fez monitoramento das radiações eletromagnéticas no Centro Universitário com medições em toda a Instituição, como salas de aula, quadras e biblioteca. “Aqui no Izabela há uma grande movimentação de pessoas e, portanto, esse tipo de trabalho é importante para que possamos saber o quanto estamos expostos à radiação nesse ambiente e o quanto isso pode ser prejudicial para a nossa saúde”, disse.

O congresso na Fiocruz tem como tema “Efeitos nocivos da radiação não-ionizante de celulares e antenas de telefonia na saúde” e Naiara irá comentar sobre o seu projeto. “Órgãos da área da saúde se mostraram interessados no meu trabalho, o que é importante, já que se trata de um assunto de tamanha relevância”, contou.

A professora de Engenharia Adilza Dode, que foi orientadora do TCC de Naiara, comentou sobre a ida delas ao evento da Fiocruz. “Eu me sinto muito honrada. A conquista da Naiara é uma forma de mostrar para os alunos que os trabalhos publicados no Centro Universitário são vistos em todo o país. Muitas pessoas consultam as bibliotecas universitárias”, afirmou.

O congresso na Fiocruz ocorrerá no dia 22 de agosto e a professora Adilza apresentará seu trabalho às 14h e, em seguida, às 15h30, Naiara fará sua apresentação.