Você está aqui: Página Inicial / Design de Interiores / Histórico

Histórico

por Thiago Tamošauskas publicado 28/10/2015 10h53, última modificação 03/03/2016 17h45

O primeiro curso de design do Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix foi o Curso Seqüencial de Design de Interiores e Decoração criado pela resolução no. 02, de 25 de junho de 2002, do Colegiado Universitário e reconhecido pela portaria no. 2.177, de 21 de Junho de 2005 pelo MEC. Como os cursos seqüenciais somente podem ser oferecidos nas mesmas áreas de conhecimento do campo de saber dos cursos de graduação já reconhecidos, o Curso Seqüencial de Design de Interiores e Decoração foi ofertado vinculado e na unidade onde funciona o Curso de Arquitetura e Urbanismo (reconhecido em 11 de março de 1985, através da Portaria MEC no. 179) – o segundo curso de arquitetura a ser implantado no Estado de Minas Gerais. O Curso Seqüencial de Design de Interiores e Decoração foi também um dos pioneiros em Minas Gerais na formação de profissionais focados nesta área. Simultaneamente à criação do Curso, o departamento de Design é criado pelo Curso de Arquitetura e Urbanismo com a finalidade de implementar e gerir o Curso de Design criado.

Como parte do processo de reorganização da oferta de cursos e atendendo às orientações do MEC, em 2006, o Curso Seqüêncial de Formação Específica em Design de Interiores e Decoração foi convertido em Curso Superior de Tecnologia em Design de Interiores e Decoração. Em 2008, seguindo orientações do MEC, a nomenclatura do curso foi ajustada de modo a atender o Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia passando a denominar Design de Interiores. No segundo semestre de 2006 iniciou-se a primeira turma do Curso Superior de Tecnologia em Design de Interiores já inseridos no escopo da reformulação do projeto que é apresentado aqui. No ano de 2011, a matriz curricular foi reformulada integrando conteúdos ligados à área de paisagismo e mobilário